Ogier de quinto a líder

11 março 2018

Sébastien Ogier conseguiu evitar problemas ao longo deste sábado, enquanto os rivais se debateram com calor intenso e, depois de partir com mais de meio minuto de atraso para a frente da prova, o Campeão do Mundo em título saltou de quinto para a primeiro no Rally Guanajuato México com uma vantagem de 35,9 segundos sobre os demais.

O penta-Campeão do Mundo assinou quatro vitórias consecutivas em troços nas montanhas em volta de León, o que o deixa às portas da segunda vitória do ano com o Ford Fiesta.

Ogier deixou atrás de si uma série de pilotos desapontados, principalmente o nove vezes Campeão do Mundo Sébastien Loeb. O gaulês de 44 anos chegou a lutar por aquela que seria a sua primeira vitória em terra numa jornada do WRC em cinco anos depois de assumir a liderança do rali durante a manhã.

Contudo, um furo no pneu frontal esquerdo acabou com o sonho. Loeb perdeu quase 2m30s ao parar para trocar a roda depois de bater numa pedra com o Citroën C3. Resultado, o gaulês caiu para quinto.

O colega de equipa Kris Meeke assumiu as rédeas do ataque a Ogier. Ele estava a poucos segundos do francês quando sofreu um pião que o fez perder tempo, se bem que o irlandês não acreditava ter ritmo para se manter em contacto com a frente.

Dani Sordo começou o dia na liderança, com menos de três segundos de margem sobre Loeb, mas sofreu um furo depois de bater na mesma pedra que o rival francês. O espanhol teve mais sorte e conseguiu levar o Hyundai i20 até ao final do troço perdendo apenas 30 segundos. Ele terminou o dia em terceiro, a 10,9 segundos de Meek.

Ott Tanäk perdeu o terceiro posto em que iniciou o dia. O estónio debateu-se com problemas de turbo no seu Toyota Yaris durante a segunda metade do dia e acabou por desistir pouco depois.

Andreas Mikkelsen, frustrado, ficou entre Sordo e Loeb, em quarto. O norueguês tentou técnicas de pilotagem diferentes e alterou a afinação do seu i20 com o intuito de recuperar o tempo perdido, mas não conseguiu os resultados pretendidos.

O líder do Campeonato Thierry Neuville teve mais um dia complicado aos comandos do i20. A abrir a estrada ele voltou a limpar os troços e cometeu vários erros que lhe custaram ainda mais tempo. A juntar a isso, ele parou durante um minuto na primeira especial do dia devido à entrada de água para o motor ao passar por um rio. Mas não foi tudo, o belga foi ainda vítima de um furo lento. Tudo junto, Neuville acabou o dia em sexto.

Patrocínios
scroll up